Evangelização da Igreja Maranata no Álvares Cabral em 2005

Tenho aqui algumas fotos que desejo compartilhar com todos, pois é uma verdadeira aula de como os profissionais trabalham. Referem-se a um culto de “Grande Evangelização” feito pela Igreja Cristã Maranata, em 12 de outubro de 2005, no Ginásio do Álvares Cabral, Vitória/ES.  Para este evento, foi contratada a empresa PLM. Houve duas reuniões, com público estimado de 10.000 pessoas cada.

Esta foto mostra os preparativos da reunião. O palco, muito grande (300m2) foi completamente tomado por músicos e cantores da igreja (mais de 200 pessoas). Note, nas laterais do palco, as caixas em sistema Fly, com os subwoofers em baixo. O House Mix foi colocado no final da quadra, entre o público que se encontrava na quadra e o público das arquibancadas. Nessa posição, o engenheiro de som tem completo controle do ambiente, está exatamente no meio do público. Melhor impossível.

A mesa de PA levada pela empresa foi uma MIDAS de 48 canais. Uma das mais fantásticas mesas analógicas já fabricadas, tanto em quantidade de recursos quanto em qualidade sonora. Mesa que custa 50.000,00 dólares.

Foto da parte central da mesa, mostrando seus  10 submasters e inúmeros Auxiliares Pré e Pós-Fader. Note na parte superior os VU Bargraph, para monitoramente do nível de sinal de saída.

Foto dos controles dos canais. Equalização de 4 vias (agudos, médios-agudos, médios-graves e graves) por canal, sendo todas as vias com paramétrico! O equipamento esbanja recursos.

A mesa de palco, também de 48 canais, da SoundCraft. O uso de uma mesa de PA e outra de palco permite total independência na operação, conseguindo-se agradar tanto aos músicos e cantores quanto ao público. Os microfones e instrumentos eram enviados para a mesa de palco e desta, através da saída Direct Out, o sinal era enviado individualmente (canal por canal) para a outra mesa. Abaixo da mesa, os amplificadores dos monitores de palco! Os amplificadores do PA estavam situados junto aos subwoofers, logo abaixo das caixas em Fly. Isso para reduzir as distâncias entre amplificadores e caixas e com isso as perdas de potência por causa da impedância dos fios. Nada como ver o trabalho de profissionais para aprender como fazer direito.

Um dos racks de periféricos. Este rack tem 14 equalizadores de 31 vias por canal, sendo utilizado para equalizar os canais. Se algum canal precisasse de mais equalização que do que a mesa ofereçe, seria necessário apenas  “insertar” (Insert) o canal. O sinal sairia da mesa para o equalizador, onde sofreria os ajustes necessários e voltaria para a mesa. Seria possível insertar até 28 canais da mesa.

Rack de periféricos do PA. Equalizadores gráficos e paramétricos, compressores, etc. Yamaha, Behringer e dbx eram as marcas mais utilizadas. Lá em baixo, um equalizador de 31 vias/canal da Ciclotron, um dos poucos equipamentos nacionais em uso.

Vista por trás do rack de periféricos. Observem só o tamanho da medusa!

Vista por trás do rack de equalizadores. Note que todos os plugues são XLR. Imaginem se um cabo qualquer se solta dali, que trabalho que não vai dar para colocar de volta. Por isso que equipamento profissional só usa XLR, nada de P10.

A bateria também é um show. Repare: uma medusa só para a bateria (na verdade, uma sub-snake, uma medusa menor que se conecta à maior, vista algumas fotos acima), o microfone do bumbo é bem maior que os outros (para captar melhor os graves), um microfone para cada um dos tons e dois overs para captação dos pratos e ambiência.

A PLM alugou os materiais, mas a operação foi toda feita por pessoal da própria igreja, provando que há gente mais que competente para a realização desse tipo de evento. O resultado só poderia ter sido um: dois cultos maravilhosos, com muita operação do Espírito Santo de Deus e salvação de vidas. Glória Jesus.

————————

Revisado em 10/Mar/2008

Be the first to comment on "Evangelização da Igreja Maranata no Álvares Cabral em 2005"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*


Fechar