• This site uses cookies. By continuing to use this site, you are agreeing to our use of cookies. Learn More.

Bateria eletrônica vs. Plugins Ezdrummer

carlosecg

Administrator
Moderador
#1
Conforme prometido, o primeiro teste: gravação direto da saída do módulo TD-4, em um canal de uma Yamaha MG166C (estava sendo usada para ensaio). Peguei a saída REC OUT e pluguei na entrada integrada de um macbook. Não foi o meu cenário ideal, foi o que deu para fazer. Ao mesmo tempo foi gravado o áudio e os dados midi. Usei o ezdrummer com o módulo DFH.

Não foi usado nenhum processamento no áudio, apenas normalização de volume. Arquivos hospedados no 4shared.

Lembrem-se que o baterista ainda está aprendendo.

Módulo TD-4

Ezdrummer Padrão

Ezdrummer DFH

Aceito sugestões para mais testes.
 
#7
Re: microfonacao bateria

Já que o midi foi gravado, poderiam abrir o teste em outros plugins de batera, tipo SD2, BFD e Addctive drums e falar o que acharam.
Seria um teste legal.
 

carlosecg

Administrator
Moderador
#8
Re: microfonacao bateria

unformed disse:
Já que o midi foi gravado, poderiam abrir o teste em outros plugins de batera, tipo SD2, BFD e Addctive drums e falar o que acharam.
Seria um teste legal.
Eu não tenho esses plugins, caso alguém se disponbilize...
 

carlosecg

Administrator
Moderador
#9
Pessoal, nesse fim de semana vou fazer mais um teste. Mas dessa vez o teste vai ser uma avaliação dos dois "geradores de som" na igreja.

Vou colocar um mic ECM8000 em alguns pontos da igreja captando o som gerado pelo módulo e o gerado pelo ezdrummer, para comparar como a acústica do local influencia no som.

O que vocês acham, esse mic seria bom para esse propósito?
 
#10
ouvi os exemplos pela caixinha de som do computador (caixas horríveis), e depois pelo fone do meu celular (não é perfeito mas é bem melhor que as caixas do computador) mesmo assim, em ambos casosm o som da Roland mostrou muito superior, principalmente no som da caixa e do ximbal, este último muito ruim, não perece o som da paqueta no prato, e sim quando é acionado pelo pé, falta brilho rsrsr

bom essa é a minha humilde opinião ...


Abraços ...
 
#12
Por enquanto, vou fazer o comentário com a referência dos fones que uso no trabalho, que são os originais do iPod, da Apple. Em casa, vou comparar o áudio no meu AKG 414 =)

A Roland soa muito bem, do mesmo jeito que uma bateria de estúdio. Bem afinadinha, só não gostei do som dos pratos, mas tenho certeza que dá pra selecionar outros. Não tenho muito grave aqui, mas dá pra imaginar que o bumbo está bem definido. A caixa não muito estridente, gostei do som.

Já a EZDrummer simula muito bem o som de uma bateria ruim, mal afinada, aliás, o bumbo sem peso parece que está com a pele bem solta. Rolou um corte nos graves? Gostei menos ainda do som dos pratos. Acho que o motivo de alguns curtirem mais o som da EZ é que ele fica mais próximo do que a gente ouve ao vivo "por aí". Baterias ruins, mal afinadas, mal captadas, levam a uma referência ruim.
 

carlosecg

Administrator
Moderador
#13
Pessoal, muito bom os comentários. Eu prefiro o ezd, mas como disse quero ouvir outras opiniões.

Por enquanto já está confirmado uma coisa: cada um tem seu gosto :D

peligo disse:
o bumbo sem peso parece que está com a pele bem solta. Rolou um corte nos graves?
Não, é o plugin que é assim mesmo. Como disse não gosto desse bumbo. Quando chegar em casa vou passar o mesmo midi com outro kit para comparação. Vou também deixar o arquivo para quem tiver outros plugins postar aqui e assim termos mais parâmetros para comparações.
 
#14
Eu tenho o cabo USB/Midi, tenho a bateria eletrônica, mas não sei como fazer isso. (vergonha!) Bem que poderia rolar um mini-tutorial, ou um link pra eu, né Kadu?

Abraço e obrigado!
 
#16
peligo disse:
A Roland soa muito bem, do mesmo jeito que uma bateria de estúdio. Bem afinadinha, só não gostei do som dos pratos, mas tenho certeza que dá pra selecionar outros. Não tenho muito grave aqui, mas dá pra imaginar que o bumbo está bem definido. A caixa não muito estridente, gostei do som.

Já a EZDrummer simula muito bem o som de uma bateria ruim, mal afinada, aliás, o bumbo sem peso parece que está com a pele bem solta. Rolou um corte nos graves? Gostei menos ainda do som dos pratos. Acho que o motivo de alguns curtirem mais o som da EZ é que ele fica mais próximo do que a gente ouve ao vivo "por aí". Baterias ruins, mal afinadas, mal captadas, levam a uma referência ruim.
Concordo ... a EZDrummer parece a bateria da minha igreja rsrsrsrs
 
#17
peligo disse:
Já a EZDrummer simula muito bem o som de uma bateria ruim, mal afinada, aliás, o bumbo sem peso parece que está com a pele bem solta. Rolou um corte nos graves? Gostei menos ainda do som dos pratos. Acho que o motivo de alguns curtirem mais o som da EZ é que ele fica mais próximo do que a gente ouve ao vivo "por aí". Baterias ruins, mal afinadas, mal captadas, levam a uma referência ruim.
Se eu gosto do EZD, é pq ele não soa ruim, nem mal afinado e nem mal captado. O som dos pratos do EZD é mais suave, a caixa é mais seca e sem perder corpo, deixando apenas para o bumbo o ponto fraco do conjunto, a depender do estilo.

Mas isso é o meu gosto. Agora, não dá pra dizer que só pq alguém gosta de algo diferente de vc, a referência seja ruim.

Abraço.
 
#18
W. Christian disse:
Mas isso é o meu gosto. Agora, não dá pra dizer que só pq alguém gosta de algo diferente de vc, a referência seja ruim.

Abraço.
Foi isso que eu quis dizer? Vou transcrever de novo, destacando duas palavras:

peligo disse:
Acho que o motivo de alguns curtirem mais o som da EZ é que ele fica mais próximo do que a gente ouve ao vivo "por aí". Baterias ruins, mal afinadas, mal captadas, levam a uma referência ruim.
E reafirmo: baterias ruins, mal afinadas, mal captadas, levam a uma referência ruim.

Abraços!