• This site uses cookies. By continuing to use this site, you are agreeing to our use of cookies. Learn More.

Caixas para nova Igreja em Guarulhos

#1
Muito boa tarde pessoal!
Sou membro de uma Igreja de Guarulhos. Nossa Igreja está mudando de local para um local bem maior do que a atual. Estamos indo para um salão de 18 x 16,5 x 3,5 (altura). Essa semana esta sendo colocado um piso acústico de vinílico. O pulpito terá 12 x 3,5m.
Como nossos recursos são limitados, iremos aproveitar quase tudo da igreja antiga. Mas vamos dispor de um recurso de um valor de 15 mil aprox.
Atualmente tenho uma mesa Yamaha 16mg; 4 SM58, 2 cx antera TS700X (jumpeadas) e o retorno eu nem lembro de tão horrível que é.
Nosso programa musical é pop, hillsong...
4 vocais
guitarra
violão
teclado
baixo
bateria

Pelo pouco conhecimento que tenho em áudio, estou inclinado a investir em um bom par de P.A. (Preferencialmente RCF pelas boas referências do SAV) pois creio que seja o elo mais fraco do meu sistema, uma vez que poderia usar provisoriamente meus PA's atuais como retorno na nova igreja.
Há sim, junto das caixas, também compraríamos cabos para conexão das caixas e retornos, multicabo e cabos balanceados para os mics, que hoje não são.

Isto posto, começa meu problema que seria encontrar a caixa adequada para sonorizar meu ambiente e o posicionamento destas caixas (principalmente o posicionamento para garantir a inteligibilidade. - Sim eu sei que a inteligibilidade não depende somente da caixa e do posicionamento dela, mas de outros fatores também, enfim...)

Vocês poderiam me ajudar nestas duas questões?
 

AltVan13

Well-Known Member
#2
Seja bem vindo ao SAV @MDias !
Sugiro á vc 4 RCF Art310a, mas se a grana der vc pode optar por 2 Art310 para o retorno e 2 Art710a para o PA. Sugiro tb que troque sua mesa, pega uma Behringer XR18 ou se achar que vai ficar apertado e não tiver interesse em gravação multipista, pega uma M18 ( tem membro vendendo usada em estado de nova á preço bem camarada ). Para se capitalizar e completar com os cabos e o que mais precisar ( que tal um mic sem fio, Lewitt LTs 240 duplo? ), vende sua MG16 e suas Antera ( não vão acompanhar as Art e iriam te dar problema de referência auditiva ). Recomendo fortemente que vc tb considere em sua compra ao menos 1 condicionador de energia ( Pentacústica ).
Quanto ao posicionamento das caixas vc pode usar em fly L/R ( se a igreja fosse mais alta seria melhor, mas acho que vai atender ) ou mesmo L/R lateral.
Detalhe, qual o modelo completo de sua MG? É o modelo novo, é o modelo antigo?!
 
#3
Devido ao tamanho do local eu sugiro que você espalhe igualmente de 6 a 8 caixas no ambiente para poder minimizar um problema bem corriqueiro em igrejas: alto tempo de reverberação.
O ideal seria realizar primeiramente a equalização do espaço e aí então se preocupar com a eletroacústica, mas caso isso não seja possível, opte em instalar várias caixas pelo ambiente a fim de ter o som mais homogêneo e tentar diminuir o tempo de reverberação.
 

tonreb

Moderator
Moderador
#4
Visitei o local neste domingo, e eles tem um problema muito mais sério: O TETO! (de zinco!)

Vão ter que colocar sim um forro de lã de rocha além de mantas térmicas para segurar a temperatura e não arrebentar com o material do forro.... já orientei ele sobre tal. (se não fizer ficará impossível ter cultos ao chover, mesmo sem som!rs)

Para o local, 2 ART712 (visto que quer RCF) já atende, se preferir algo mais forte, uma ART732 pra ter um tiro bem mais agressivo, mas será necessário algumas soluções paliativas para não se ter problemas, como isolar a parede do fundo e da frente com um painel acústico e colocar cortinas na parede envidraçada e do outro adotar também paineis para "lacrar" as janelas....
vai ter muito trabalho e gastará uma grana boa para não atrapalhar os vizinhos e conseguir atingir um nível adequado de inteligibilidade.