• This site uses cookies. By continuing to use this site, you are agreeing to our use of cookies. Learn More.

Transdutores diferentes na FBT ProMaxX 14A

#1
------------------------------
NOTA DA MODERAÇÃO

Resumo de toda a história até o dia 22/03/2014

Foi descoberto que a FBT alterou o drive de Neodímio para um de Ferrite nas caixas ProMaxX 14A, embora os materiais de divulgação, a caixa e manuais do produto especificavam neodímio ao invés de ferrite. Alguns dizem que a diferença é pequena, outros dizem que não. O Murilo, membro do fórum, possui caixas com transdutores diferentes e não achou que fosse necessário a troca, porém o Marcelo não concorda e quer ter as caixas iguais. O que segue abaixo é um resumo da saga do Marcelo para ter os mesmos componentes em suas caixas.

* Marcelo comprou no Paraguai com Alan Wood duas caixas.
* Marcelo comprou mais duas caixas com C Borges em Manaus.
* Marcelo percebeu diferença nos timbres e no peso entre as caixas compradas no PY e em MAO.
* Marcelo abriu todas as caixas compradas e percebeu que as do PY tinham drive de neodímio e as de Manaus tinham drive de ferrite.

Até agora, Marcelo tem 2 caixas com drive NEO e 2 caixas com drive FERRITE.

* O Som ao Vivo enviou um e-mail para a FBT solicitando informações sobre o caso, ainda sem resposta.
* Marcelo achou melhor o timbre de caixa de neodímio, por isso solicitou ao Wagner a troca pelos componentes NEO.
* C Borges não tinha conhecimento que as caixas estavam saindo com componentes diferentes, e se prontificou a fazer a troca dos componentes FERRITE por NEO.
* C Borges obteve resposta da FBT, porém incompleta.
* C Borges solicitou ao Marcelo que verificasse a versão do DSP utilizado nas caixas de FERRITE e nas de NEODÍMIO.

* Marcelo disse que no momento não poderia abrir as caixas para verificar, e entrou em contato com Alan Wood no PY que esclareceu: as caixas até 2011 eram com drive NEO, de 2012 em diante vieram com FERRITE, e houve mudança no DSP.
* Alan Wood se prontificou a enviar drive e placa para FERRITE, solicitadas por Marcelo, mediante entrega dos componentes para NEO do Marcelo.
* Marcelo decidiu não prosseguir com C Borges.
* Presets das caixas de NEODÍMIO pararam de funcionar.

* Marcelo recebeu os componentes e verificou que se tratavam de placa para FERRITE (V2) e drive NEODÍMIO.
* Marcelo informa a Alan Wood que não iria enviar os componentes NEO dele que seriam para a troca, pois havia recebido novos de NEO. Dessa forma para ficar com caixas iguais ele na verdade iria enviar os componentes para FERRITE ao PY, que não estavam com ele no momento da retirada da encomenda dos novos componentes.

Até esse ponto, Marcelo está com:
2 drives NEO (de caixas compradas no PY)
2 drives FERRITE (de caixas compradas na C Borges)

2 módulos v1 (NEO) (de caixas compradas no PY)
2 módulos v2 (FERRITE) (de caixas compradas na C Borges)

2 drives NEO (enviadas pela FBT via PY)
2 módulos v2 (FERRITE) (enviadas pela FBT via PY)

Com esses componentes não é possível deixar 4 caixas iguais.

* Marcelo fez testes com várias combinações de componentes, e decidiu que a melhor combinação era drive ANTIGO (NEO) com placa NOVA (V2), combinação enviada pela FBT via PY.
* Marcelo depois disse que não gostou da combinação enviada pela fábrica, e decide que vai usar drive NEO e módulo V1.

* FBT e Alan Wood disseram que para enviar qualquer outro componente teria custos.
* Marcelo decide cortar relações com PY.
* C Borges solicita que Marcelo envie os módulos V2 (vendidos pela C Borges), para que seja feita a troca por módulos V1, que devem ser usados com drive NEO.

* Marcelo decide consertar com C Borges os 2 módulos p/ NEO (de caixas compradas no PY) que deram problema, e assim que tiver consertado enviar os 2 módulos p/ FERRITE (de caixas compradas na C Borges), para troca por módulo p/ NEO.

Post original abaixo
------------------------------

Amigos, encontramos dois tipos de drivers dentro de nossas FBT ProMaxX 14a.

Os modelos encontrados foram: B&C DE620-16 de neodimio e B&C DE 602-16 de ferrite titanio.

As diferenças estão no tamanho, peso, sensibilidade.

Vamos nesse tópico apresentar nossas pesquisas sobre a situação.

[attachment=543][attachment=542][attachment=540][attachment=541][attachment=539]



 

Attachments

isinho

Administrator
Moderador
#2
Se as especificações forem as mesmas, é tranquilo

Outra coisa, a diferença mais significativa (que eu saiba) é nos falantes, não nos drivers
 
#3
Quer dizer então que mudar de um driver de neodimio para um de ferrite não é nada? Os valores são os mesmos? o peso é o mesmo? só uma das perguntas. e tem muito mais, será que outro fabricante digamos a attack fizesse isso seria aceito tão bem assim por aqui?
 
#4
e eu pergunto a voce, e responda com sinceridade, se descobrisse que as duas caixas que tem, está com essa diferença, teria coragem de fazer um grande evento com elas, ou tentaria de todas as maneiras deixa=las iguais.
 

mbenedito

Moderator
Moderador
#5
Na caixa da minha fala só sobre o Falante ser de Neodimio, o drive não especifica nada, no site também não, acredito que devido a alta do preço do Neodímio eles estão abolindo das caixas mais "baratas".

Abraço !
 

tonreb

Moderator
Moderador
#6
O mesmo ocorreu com a Rcf...

E pelo visto teve um aumento no peso da caixa, e o spl continua o mesmo....

heriberto, não se trocou a marca, apenas modelo, creio que não tenha alarde quanto a isso, e pesquise quanto custa essa criança. ...rs
 

isinho

Administrator
Moderador
#7
Não Heriberto, preste atenção no que eu disse...

Você já comparou diferentes falantes do mesmo fabricante e linha, um de neodímio e outro de ferrite?
Eu já

E disse que a diferença de construção - neodímio ou ferrite - tem maior diferença em falantes do que em drivers. Haja visto o tamanho/potência necessária para se movimentar a bobina de um falante.
Não estou dizendo que não tem diferença. Aliás usei bastante tempo duas RCF ART 310A, uma com imã e neodímio e outro de ferrite, e não senti diferença.
Aliás, respondendo sua pergunta, eu não fui atrás de trocar.

E pela minha pesquisa, o DE 602 saiu de linha.

Qual caixa é mais antiga?

Qual é o número de série das duas.

Quanto a topologia de construção, a própria Studio R disse que não faz diferença - o Andrei discordou. -Estou procurando o tópico

A reação é a mesma com qualquer produto, pior seria se tivessem trocado por produtos de outra marca, com especificações diferentes.

---Demorei a escrever a resposta e o pessoal postou mais coisa antes.
Note que os drives são praticamente idênticos
 
#10
Isinho recomendo que desse uma olhada mais detalhada nesses gráficos, e pense como se fosse um fabricante de caixa e veja qual o que seria colocado em sua caixa, de antemão digo que parece bobeira mas veja o equilíbrio do DE602, talvez seja por que neodímio tem uma melhor densidade magnética, não é?
 

deneripr

Well-Known Member
#12
Gente se trocou o modelo do driver por questão de custo ou outro problema, com certeza não o fizeram simplesmente trocando um pelo outro... o DSP deve ter sido ajustado também.... e levando em consideração a pouca diferença na resposta, pouca coisa precisou ser mudada....

A RCF fez isso com a 310A e não teve diferença no som...

Como o Isinho disse, a maior diferença entre Neodímio e Ferrite em um transdutor "irmão gêmeo" por assim dizer, será mais notável em Alto-falante do que em um driver...
 
#13
não é bem simples assim, tem uma coisa que vocês estão esquecendo,
lá na especificação está falando que o de ferrite pesa mais que o de neodímio, então pergunto essas caixas tiveram reforço para suportar o preço?
pergunto por um simples motivo, essas caixas não são fabricadas em madeiras e sim em produtos plásticos, que devem ter suas resistências já calculadas.
Fora, quem comprou, comprou uma caixa com neodímio e não com ferrite, e pelo que eu saiba ninguém foi avisado, pois se paguei por um ferrari f40 eu não aceito receber um corcel 73, há poucos dias falei sobre isso, somos consumidores, o dinheiro é nosso, portanto não vamos abaixar as cabeças e dizer sim, e sim cobrar o porque da mudança e porque não avisaram]
 

carlosecg

Administrator
Moderador
#15
Como já falei em um tópico pra Studio R, eu acho que o fabricante deve identificar quando tem troca de componentes no projeto. Coloca lá no código do produto um rev2, A, B, mk3, qualquer coisa.
 
#17
carlosecg disse:
Como já falei em um tópico pra Studio R, eu acho que o fabricante deve identificar quando tem troca de componentes no projeto. Coloca lá no código do produto um rev2, A, B, mk3, qualquer coisa.
Carlos e amigos, lembrei do seu comentário e de outros sobre a Studio R trocar os transdutores no post trifasico e veja o que encontrei:

dois tipos de FBT ProMaxX 14a, uma com ferrite e outra com neodimio, estamos investigando

Uma 14a usa B&C DE620-16 Neodimio e outra usa B&C DE602-16 Ferrite.

Studio R disse:
por Studio R » Qua, 25 Set 2013 3:22 pm

Como dissemos anteriormente aqui mesmo, Guga:

Todo bom fabricante se reserva este direito (...)


E o que difere um bom fabricante brasileiro de um bom fabricante estrangeiro em determinadas práticas comuns de mercado, é a língua e o cep, basicamente. :wink:

Mas é bom destacar coisas assim pois ainda tem gente que acredita que "lá fora" tudo é sempre muito diferente, quando não é necessariamente.

Aliás, em jantar semana passada de nossa diretoria com o CEO da B&C (um italiano "da gema") em uma churrascaria após a Expomusic, se comentava justamente sobre muita coisa não necessariamente boa da cultura, política, indústria e etc brasileiras e que, segundo ele, são iguaizinhas na Itália... :wink:

Um forte abraço!
 
#18
qual a diferença de um driver fenolico e um de titanio?
tem que haver diferença e não é só peso, os fenólicos devido ao material ele não consegue ultrapassar os 8 khz sem cair a qualidade, na realidade ele vai bem até 5khz
Bom alguma alteração deve existir, e concordando com o amigo Carlos, é necessário que o fabricante avise e identifique, assim como a Studio também colocou no line deles, quando é Ribbon ele coloca o código R590 e quando é Driver coloca D590, isso no minimo é respeito.
E já tivemos uma reclamação aqui se não me engano sobre um problema parecido que era os drivers da Sansom.
 

carlosecg

Administrator
Moderador
#19
Apenas deixando claro que não estou julgando se o timbre de um é melhor que o outro, se são iguais ou se são diferentes... Apenas para sabermos qual a versão do produto temos em mão. Veja que o Guga postou uma foto mostrando o problema que o peso extra está trazendo.

E essa minha opinião vale para nacional, importado, feito em casa, qualquer coisa.
 
#20
Veja a gravidade da situação, já que no site da FBT está escrito neodymium


<!-- m --><a class="postlink" href="http://www.fbt.it/ENG/PAE/DOWNLOADS/Datasheets/ProMaxX-14A.pdf">http://www.fbt.it/ENG/PAE/DOWNLOADS/Dat ... xX-14A.pdf</a><!-- m -->

Nós compramos e somos clientes FBT, esperamos e compramos 14a com componente neodymium como está no datasheet e não com ferrite